Meus PedidosMeu Cadastro

Óleo Essencial de Hortelã Pimenta 10 ml

Óleo essencial 100% puro da planta Mentha piperita
13735
Opinião dos Consumidores:50
Pontos Fidelidade:
Confira as Condições de Parcelamento
AdicionarRemover
Descrição
O óleo essencial de Hortelã Pimenta é um produto natural, 100% puro e sem conservantes.

Produto Vegano - livre de testes em animais e ingredientes de origem animal.

Não possui em sua composição: Parabenos, Sulfatos, Corantes, Silicone ou Essências artificiais.

Embalagem: Vidro âmbar contendo 10 ml de óleo essencial com gotejador.

Tipo de Extração: O Óleo Essencial de Hortelã Pimenta é extraído das folhas da Mentha piperita pelo processo de Destilação à vapor.

Sinônimos: hortelã, menta.

História da Planta:

É uma planta muito conhecida desde a antiguidade. Foi classificada no ano de 1696 pelo botânico Ray, ao encontrar uma espécie de mentha (hortelã) com sabor de pimenta na Inglaterra, Mentha piperita (devido seu sabor picante e sua essência parecida com a pimenta = piper).

Seu uso data de aproximadamente 1.000 anos antes de Cristo. Durante muito tempo foi moeda de troca.

Há aproximadamente 30 espécies de mentha (hortelã) conhecidas mas, na antiguidade, utilizavam-se todas da mesma maneira, a tal ponto que gerava uma enorme confusão. Um escritor chamado de Willafried de Strabo dizia: “Se alguém for capaz de relacionar todas as propriedades da menta (hortelã), sem dúvida saberá também quantos peixes nadam no Oceano Índico.” Em 1730 foi incorporada na farmacopéia inglesa e apresenta-se em quase todas as farmacopéias.

Segundo a mitologia Grega, o gênero mentha tem seu nome derivado da ninfa Minte ou Minta, seduzida por Plutão. Perséfone, esposa de Plutão, enciumada, converteu-a numa planta e a esmagou no chão com o pé. Entretanto, Plutão transformou-a na hortelã-pimenta, sabendo que assim Minte seria apreciada pelo povo no futuro.

O cultivo começou nos Estados Unidos em 1855, em Indiana, Nova York e Ohio. A exemplo de várias outras ervas, a hortelã-pimenta era conhecida dos antigos egípcios, gregos e romanos. Estes últimos se coroavam com ela em seus festins, certamente cientes de seus efeitos desintoxicantes. No entanto, não se opunham a usá-la como ingrediente no vinho.

Era um componente de perfume entre os hebreus, acredita-se que tenha propriedades afrodisíacas.

Aspectos Botânicos:

Planta aromática, perene, pertencente à família das Labiadas ou Labiáceas. Sua altura varia entre 30-100cm; seu talo, quadrangular, é suavimente piloso e parcialmente ramificado na parte superior. As folhas de coloração verde à verde púrpura , são dentadas e de forma oval, medem de 4-8cm de comprimento por 1-2,5cm de largura. As flores, são de cor lilás e ocasionalmente branca. Crescem do fim do verão até meados de outono. É originária das zonas temperadas do hemisfério norte, Europa, África do Norte e China. Atualmente encontra-se distribuída em todos os continentes, podendo ser cultivada até 1500 metros de altitude, sendo naturalizada e cultivada em muitas regiões.

Reproduz-se em várias situações, crescendo de forma espontânea, em terrenos baldios, escombros, solos ricos, úmidos e ensolarados, parques, etc. As sementes tem muito pouco poder germinativo, devido ao seu caráter híbrido, e podendo gerar plantas de características diferentes entre si. O momento adequado para sua colheita começa com o amarelamento das folhas inferiores, ou quando completa quatro meses do plantio. Economicamente, não se recomenda sua exploração após dois cortes.

Os principais países produtores de óleo essencial são: Estados Unidos (75% da produção mundial), França, Marrocos, Índia, Brasil e Argentina. Também são importantes as produções da Inglaterra, Bulgária e Rússia. A produção mundial alcança de 1.000 a 1.200 toneladas anuais, com valor em torno de 100 milhões de dólares.

Principais Compostos:

Mentol (álcool 33-55%), acetato de mentílico (éster 10-20%), mentona (cetona 9-31%), e em menor escala felandreno, limoneno (terpenos 3-7%), pineno, piperitona, pulegona (0,5-4%), cineol (monoterpeno 5-18%), viridoflorol, mentofurano (3,0%), isomentona (2,5%), sabineno, ésteres de mentol (valerianato, isovalerianato, etc.).

Curiosidades sobre o Óleo Essencial de Hortelã Pimenta

Quantidade de Hortelã Pimenta para Extração do óleo: 50 a 60 kg de matéria prima para 01 kg de óleo essencial

Nota Aromática: Alta.

Aroma: Herbal

Mistura-se Bem Com: benjoin, cedro, cipreste, lavanda, mandarina, manjerona, pinho e alecrim.

Os óleos essenciais são substâncias naturais extraídas de plantas de diversas partes do mundo. Estas substâncias podem ser encontradas nas flores, nas folhas, nos caules, nas hastes, nas cascas ou nas raízes. Desta forma, podem existir variações em seus aromas e compostos.

Modo de uso dos óleos essenciais:

Aromatizador (aproximadamente 15 gotas).

Banhos (20 gotas após encher a banheira dissolvidas em uma colher de sopa de óleo vegetal).

Compressa (5 a 10 gotas em 1/2 litro de água).

Inalação (2 gotas em um lenço ou inalador com soro fisiológico ou água).

Massagem (1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal).

Óleo para rosto (1 gota em 1 colher de sopa de carreador).

Cabelos (1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal ou shampoo).

Uso tópico (5 gotas por colher de sopa de óleo vegetal).

Os óleos essenciais são substâncias concentradas e devem ser usados sempre diluídos. Devem ser utilizados sob a orientação de um profissional qualificado. 

A By Samia não se responsabiliza pelo uso indevido dos produtos aqui vendidos.
Siga @bysamiaaromaterapia no Instagram